Irmãos Grimm

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Irmãos Grimm são irmãos... Em447.JPG ...nascidos de mesmo pai e olhe só, da mesma mãe. Não eram gêmeos, mas costumavam aprontar muito e fazer muita merda geminada. Como um não entregava o outro e estavam se tornando impossíveis, seus pais pediram ajuda à uma tia vadia que tinha muito dinheiro, para que ela ajudasse a pagar para eles boa educação nas melhores escola da Alemanha, até porque a educação de casa não estava mais adiantando. Resultado, eles cresceram e fizeram algo de estrema utilidade: Coletaram contos já existentes e levaram todo o mérito.

Era uma vez...[editar]

Fada que auxiliou os irmão Grimm, hoje com sua liberdade.

Era uma vez não, eram muitas vezes, pois os irmãos Grimm: Jacob Grimm e Wilhelm Grimm, coletaram além de contos populares, contados por tias e vovós, também os de Charles Perrault, aquele francês que, não se sabe porquê, nunca colocou gambás em seus contos. Não se pode de qualquer forma, deixar de agradecer aos Grimm, pois eles ao menos fizeram ressurgir e figurar até hoje, as piores melhores estórias infantis, que sem eles, talvez não chegassem a ser tão populares por todo o globo. Posteriormente, nessa tarefa, foram substituídos por um Império Satânico, que também fez o trabalho de divulgar esses contos muito bem, mas isso fica pra depois.

Não se sabe até que ponto eles deram seu toque nas histórias, alguns dizem que elas não eram, originalmente, tão chatas e melosas. Outros dizem que eles foram o mais fiéis possível, e essa ultima hipótese deve ser a certa, uma vez que aquelas histórias europeias populares, nada mais eram do que variações do que chegava de boca-em-boca da Mongólia, Índia e tals - nenhuma novidade,
Os irmãos Grimm também serviram de inspiração para a aparência da bruxas dos contos.
já que tudo surge desses lugares e foi apenas modificado, piorado na maioria das vezes, e com essa porra de contos da mamãe gansa não deve ter sido diferente. Conclusão: As estórias já tinham sido modificadas de boca-em-boca pelo povão(naquele tempo, até europeus eram povão), e provavelmente já eram essa porcaria joia que a gente conhece hoje, que os Grimm repassaram.

Os Grimm também tiveram a preocupação de diminuir os elementos macabros das estórias, sem retirar todos, pois se retirassem todos, a Chapeuzinho Vermelho por exemplo não teria sido comida juntamente com a avozinha. Falando na Chapeuzinho único desses contos que vale mesmo alguma coisa não há nenhuma fada pegando em varinha no conto e, mesmo eles tendo ficado conhecidos como contos de fada, a história da Chapeuzinho é a mais popular. - Na verdade esses contos, antes de ter as putinhas das fadas, eram fábulas, ou seja, animais falantes e, isso sim, não falta em Chapeuzinho Vermelho, uma vez que o lobo lhe passa a conversa. Não se sabe quando nem como as fadas foram introduzidas sem lubrificante nas fábulas, mas provavelmente elas advêm dos gênios da lâmpada(novamente cópia adulterada de orientais), e talvez pra ficar mais sexy, trocaram o gênio gordão, pelas fadinhas... bom, algumas também são gêmeas gordonas, como na história da Cinderela, mas isso é uma exceção.

O castigo[editar]

Não se sabe de nenhum conto original ou personagem deles, ao menos não algum que tenha ficado muito conhecido, mas o fato é que após coletarem todo aquele monte de merda contos que enchem o saco até hoje, e os registrarem em volumes que foram ressuscitados um século depois(por pesquisadores que não tinham nada melhor para fazer e que, acharam que haviam descoberto um tesouro), os Grimm finalmente descansaram em paz, podendo então sair do umbral e ir habitar o lugar dos sonhos deles, o Bosque Encantado, onde vivem até hoje, fazendo emanações de vez em quando para que os contos não sejam esquecidos.

...mas, nem toda parte do final é feliz, pois como castigo por terem mais mérito, acabaram por ser suplantados pelo Império Satânico, conhecido por todos nós na infância, como Disney. Após o Waltinho ter feito com seu toque de mão frenética, os contos de fadas se estabelecerem de vez, os irmãos Grimm ficaram em segundo plano, e como o Waltinho, com sua potente mão de desenhista e dando sua interpretação às estórias, ainda estabeleceu um império, que após sua morte ficou mais forte ainda, pois desenhistas e enredistas até melhores do que o próprio, é que não faltam e continuaram, deixando as estórias, na versão Disney ainda mais satânicas, porém mais criativas.

Oras, mas os Grimm não deveriam agradecer à Disney? De primeira se diria que sim, mas como a Disney modifica ainda mais os contos e como a linguagem fica toda em animações, os contos acabam por praticamente se tornarem outra coisa, mas os Grimm são consolados no Bosque Encantado e acabam se conformando, e tudo vai bem, já que Waltinho pouco passa perto do Bosque Encantado, pois ele prefere visitar o Hades, o fundo do Inferno, pra coletar mais informações que possam dar bons personagens e, também prefere visitar o puteiro chamado Bosque da Ninfas.

Faixa sinistra.JPG